domingo, junho 08, 2008

E se...


Esta é a diferença. Uns preferem viver numa redoma, deambulando num espectro entre um "Sim" inquestionável" e um "Não" implacável, sem sequer notarem que poderá, quiçá, haver outra forma de olhar para as coisas. Infeliz aquele que pensa que as aprendizagens da vida lhes restringe as respostas aos acontecimentos e situações com que nos deparamos. TALVEZ se as pessoas dessem o benefício da dúvida pudessem ser um pouco mais felizes e encontrar trilhos para além das caóticas auto-estradas.
Quanto mais ando, menos sei e mais quero viver. E certezas, certezas, apenas a de que não existem verdades absolutas.



FREE YOUR MIND

6 comentários:

Luís Silva disse...

Não te preocupes com as outras pessoas my friend :)
Não vale a pena nem tentar desenquadrar...
Resta-nos crescer, evoluir e sermos cada vez melhores.
AbraçEs (com E)

blueminerva disse...

Que bela reflexão.
Envelher é garantido e crescer é opcional... e é um tremendo desafio.
Um abraço

Carolina Caldeira disse...

GOSTEI!
Já dizia o velho Socrates que "so sei que nada sei" e acho triste pessoas adoptarem dogmas so porque sim ou porque nao, o beneficio da duvida, o experimentar, o duvidar faz parte de todos nós ;)

Sof disse...

iei!

GotchyaYinYang disse...

É isso mesmo! Excelente reflexão meu amigo! Obrigada por me lembrares disso.

Rute disse...

Muito bem! é esse o espirito! =D